BRASIL CARGA TRIBUTÁRIA ELEVADA, SERVIÇOS PÚBLICOS INEFICIENTES.


O Brasil é 13° país do mundo com maior fardo tributário 35,95% do PIB. Em primeiro lugar está a Dinamarca com 48%. Isso significa dizer, segundo o editorial do jornal A Tarde, edição 28 /12/2014, dos R$ 4,844 trilhões do nosso PIB, R$1,171 trilhão foi de arrecadação tributária. Conforme dados da Receita Federal, ano de 2013, a União foi responsável por 68,92 desta arrecadação;os estados 25,29%, e os municípios 5,79%. A grande diferença entre Brasil e Dinamarca, e tantos outros países com maior tributação, está na aplicação dos recursos em serviços públicos prestados que é indubitavelmente eficiente em comparação para os padrões brasileiros. E em termos de qualidade de vida avançada, torna-se a única contrapartida aceitável para uma carga tributária tão elevada. Espera- se, este ano que se inicia, maior representação dos Vereadores e Deputados entorno do debate da reforma tributária. Todavia nunca é demais lembrar: são nestas casas onde devem de fato começar os debates da reforma para evitar o "fardo tributário" que vem cada vez mais sufocando o cidadão brasileiro,tirando novos investimentos, geração de emprego e renda, deixando o contribuinte sem contrapartida e com "ineficiência" nos serviço público. Por>Erê - Estudante de Gestão Pública , Presidente do PSB de Itajuípe , blogueiro e radialista por formação (DRT/BA 6315).

0 comentários:

Copyright © 2012 blog do erê.