PENSADORES INICIAM CONSTRUÇÃO DO PROGRAMA DO PSB.

Pesquisadores e professores ligados aos mais importantes institutos de ensino superior do País; juristas, sociólogos, economistas, urbanistas, administradores e ambientalistas que são referência dos estudos da realidade nacional; teóricos com obras publicadas no Brasil e no exterior que tiveram a oportunidade de colocar em prática seus discursos à frente de instituições públicas e privadas. Este é o perfil dos 20 expositores do I Seminário Pensar a Bahia Sustentável, que será realizado entre os dias 19 e 22 de fevereiro, no Hotel Portobello, com o objetivo de balizar o programa de governo do PSB no estado da Bahia.
Entre os palestrantes, o economista Eduardo Gianetti, professor da FEA/USP e autor de livros como o Valor do Amanhã e o Mercado das Crenças; a socióloga e economista Tânia Bacelar, ex-secretária de Políticas Regionais do Ministério da Integração Nacional, que coordenou do GT de Recriação da Sudene e da Sudam; a professora doutora em arquitetura e urbanismo Ana Fernandes, coordenadora do programa diverCIDADE (Capes/Fipse); o arquiteto Marcelo Ferraz, que dirigiu o Instituto Lina Bo Bardi e o Programa Monumenta (MinC); o antropólogo Antônio Risério, que elaborou o projeto para a implantação do Museu da Língua Portuguesa (SP), e do Cais do Sertão Luiz Gonzaga, no Recife; o engenheiro Marcus Alban, mestre em Administração pela FGV e doutor em Economia pela USP; e Renato Cunha, engenheiro com especialização em planejamento energético e gestão ambiental e coordenador do Grupo Ambientalista da Bahia (Gambá) e da Rede de ONGs da Mata Atlântica. Bacharel em Direito e em ciências sociais e doutor em Sociologia, o professor Luiz Werneck Viana fará a exposição inaugural do evento – aberta ao público – na próxima quarta-feira, com uma palestra intitulada “Que política é possível?”.
A mesa será coordenada pelo cientista político Paulo Fábio Dantas e contará ainda com a presidente estadual do PSB, senadora Lídice da Mata, e Carlos Siquera, presidente da Fundação João Mangabeira, entidade responsável pela realização do seminário em conjunto com o Instituto Pensar. Os debates serão divididos em sete painéis temáticos, com a abordagem sobre questões como as perspectivas da economia da Bahia e do Brasil, os horizontes do Desenvolvimento para a Bahia e o Nordeste, a reforma urbana, as cidades e a integração da Bahia, logística e infraestrutura e sustentabilidade e meio ambiente (veja programa abaixo). A participação nos painéis temáticos também é gratuita, mas as vagas são limitadas. Para participar, é necessário inscrever-se na página oficial do evento hospedada no site do PSB –www.psb40bahia.com.br.
Uma síntese produzida através das exposições e debates realizados ao longo do seminário irá balizar o programa de governo participativo do PSB para o Estado da Bahia em conjunto com debates posteriores reunindo especialistas de áreas como segurança pública, saúde, educação e mobilidade urbana. Posteriormente, será disponibilizado à consulta pública através da internet, permitindo a qualquer cidadão fazer críticas e sugestões que podem ser acolhidas no documento final que será protocolado junto ao TRE.

0 comentários:

Copyright © 2012 blog do erê.