ITAJUÍPE: PREFEITURA GARANTE FUNCIONAMENTO DO HOSPITAL MONTIVAL LUCAS.



A crise financeira por que passa o Hospital Montival Lucas, em Itajuípe, vem sendo atenuada pela prefeitura do município que tem liberado mensalmente exatos R$ 40 mil para evitar o fechamento da unidade. A ajuda começou a ser concedida em fevereiro e a prefeita Gilka Badaró (PSB) pretende mantê-la enquanto for necessário.

“A crise é antiga e vem se agravando. Quando fui prefeita pela primeira vez, há 30 anos, o hospital já enfrentava esse problema, e na época eu ajudei como estou fazendo agora”, ela declara. Os R$ 40 mil doados atualmente representam R$ 10 mil a mais que o valor solicitado pela direção do hospital. 

“Os diretores me pediram R$ 30 mil, mas resolvemos contribuir com uma quantia maior porque a crise é muito grave. Não sabemos nem se o repasse é algo absolutamente correto, do ponto de vista legal. Mas alguém tem que fazer alguma coisa para salvar o hospital. E nós estamos fazendo a nossa parte”, atesta Gilka Badaró.

Leilão

O Hospital Montival Lucas é o único em funcionamento em Itajuípe. O atendimento prestado abrange diversas especialidades médicas e tudo é feito de graça, sem ônus para os pacientes.

A contribuição mensal da prefeitura tem servido para garantir o pagamento de salário aos médicos, que ameaçavam suspender suas atividades por falta de pagamento.

Além do dinheiro, a prefeita Gilka Badaró ajuda o hospital fazendo contatos com os governos estadual e federal tentando evitar o pior: que o hospital vá a leilão.

O Montival Lucas está seriamente ameaçado de ir a leilão por conta de uma histórica e enorme dívida com o INSS. “Tenho lutado muito e vou continuar lutando para que o hospital não seja leiloado”, afirma a prefeita. Informações da Ascom da PMI.



  

0 comentários:

Copyright © 2012 blog do erê.